Defesa Civil de Botucatu monitora obra no rio Lavapés

Reportagem da TV Acontece:

 

A Defesa Civil de Botucatu está monitorando obras de contenção no rio Lavapés na Rua Antônio Américo Coutinho, próximo ao final da Rua Curuzu. A ação visa proteger algumas residências que se encontravam em situação de risco devido ao desmoronamento de um barranco após as fortes chuvas no início do ano. 

A obra teve início em março e está em um cronograma de ações emergenciais que ainda incluem o Piapara e a construção de uma ponte na Rua Duque de Caxias em Vitoriana. Juntas elas somam 1,3 milhão. A obra está sendo feita através de um contingenciamento de verba do aniversário da cidade.
 
No local está em construção uma ala de drenagem em um muro de gabião de 85 metros de extensão por 4 metros de altura. Também está sendo feita a limpeza das margens, aumentando assim a vazão do volume da água e corrigindo o leito natural do rio. Os trabalhos na Antônio Américo Coutinho estão sendo executados pela Masquetto & Masquetto. O valor da obra é de R$ 584.137,47.
 
"Creio que essas casas estavam em uma situação de risco e as próximas chuvas poderiam ampliar os problemas. Essa obra é emergencial, por isso estamos monitorando atentamente. O periodo de estiagem é propício para o avanço dos trabalhos. Estão sendo colocados gabiões para conter o avanço perigoso do rio nas encostas, o que colocava essas casas em perigo", disse Paulo Renato da Silva, Coordenador da Defesa Civil do Município. 
 
O trecho da Rua Américo Coutinho estava sendo monitorado como prioriade segundo a Defesa Civil. O prazo para a conclusão das obras é de 60 dias.
Júnior Quinteiro
 
Fotos: André Godinho