Centro vivencial de trânsito busca formar motoristas mais conscientes em Botucatu

inauguracao-do-centro-vivencial-de-transito-foto-andreia-seullner-12A Prefeitura de Botucatu, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semutran), promoveu na manhã do último sábado (10) a inauguração do Centro Vivencial de Trânsito – “Engº Sérgio Gonçalves”.

O evento contou com a presença do prefeito João Cury Neto; secretário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Fumis; representantes da GCM, Polícia Militar, Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) de Botucatu, educadoras de trânsito da Companhia de Tráfego de São Paulo (CET), além de familiares do homenageado que trabalhou no Departamento de Engenharia de Tráfego de Botucatu e faleceu em 26 de dezembro de 2010.

inauguracao-do-centro-vivencial-de-transito-foto-andreia-seullner-2Localizado na própria sede da Semutran, o Centro Vivencial é um modelo atualizado da Escolinha de Trânsito, que funciona desde dezembro de 2012 e já recebeu mais de 9 mil alunos de Botucatu. Este espaço continuará a desempenhar atividades durante o período diurno com alunos da rede pública e privada.

Mas também inovará no período noturno, com a oferta de palestras para ciclistas, idosos, mototaxistas, taxistas e cobradores/motoristas do transporte coletivo. Ele ganhou um novo layout de circuito, com a recriação de situações do trânsito de uma cidade, inclusive com a utilização de um semáforo em tamanho real. O ambiente ainda ganhou sistema de climatização e auditório com audiovisual.

inauguracao-do-centro-vivencial-de-transito-foto-andreia-seullner-11Durante o evento, o prefeito João Cury novamente se mostrou preocupado com os últimos indicadores fornecidos pelo Infosiga [base de dados do Governo do Estado de São Paulo], no qual aponta que Botucatu foi a cidade que mais vitimou pessoas em acidentes de trânsito com população entre 100 e 200 mil habitante no primeiro semestre de 2016. Apesar deste cenário, ele se mostra confiante que o Município possa reverter esses números.

“Diante dos problemas temos que enfrentá-los e reagir com ações para minimizar estes indicadores. Em agosto, assim que recebemos está notícia, assinei um ofício que determinou providências para a criação de um Comitê Local de Segurança Viária em Botucatu. O Centro Vivencial de Trânsito é mais uma ação que visa reduzir estes números. Nele vamos formar cidadãos mais conscientes e tolerantes a longo prazo”, argumenta.

 Semana Nacional de Trânsito

inauguracao-do-centro-vivencial-de-transito-foto-andreia-seullner-6Em seu discurso o secretário de Mobilidade Urbana, Rodrigo Fumis, informa que foram investidos aproximadamente R$ 40 mil para realizar a adequação da escolinha para transformá-la no Centro Vivencial e na remodelação do prédio da Semutran, com o objetivo de proporcionar aos funcionários um ambiente de trabalho mais organizado. Na oportunidade, ele também aproveitou o momento para anunciar as atividades da Semana Nacional do Trânsito, cujo tema será “Eu sou + 1 por um trânsito + seguro” e ocorrerá entre os dias 18 a 25 de setembro.

“Em Botucatu vamos realizar diversas palestras como sobre o medo de dirigir, direção defensiva para taxistas e mototaxitas, para as empresas de ônibus serão realizadas atividades sobre o atendimento a população eficaz; com idosos do Centro Nova Aurora iremos abordar a importância do uso das faixas de pedestres e como atravessar nas esquinas e também vamos desenvolver um trabalho forte com ciclistas e pedestres em nossa Cidade. A companhia de Teatro Chafariz também estará em diversos pontos de Botucatu com interversões sobre  a temática da Semana. O que queremos mostrar é que realmente cada pessoa faz a diferença para que o trânsito seja mais seguro em nossa Cidade”, comenta.

Serviço:

Secretaria de Mobilidade Urbana

Rua Amando de Barros, nº 2.741 – Lavapés

Telefone: 3882-9888 / 3813-3515 / 156 (gratuito)

Site: semutran.botucatu.sp.gov.br

Facebook: www.facebook.com/SemutranBotucatu