Campanha do Agasalho arrecada de porta a porta

Neste sábado (25), o Fundo Social de Solidariedade de Botucatu (FSS) realiza a tradicional arrecadação porta a porta da Campanha do Agasalho 2015. Os voluntários deverão se concentrar em frente ao prédio da Prefeitura a partir das 7h30. Às 8 horas, eles seguirão para os bairros, dando início à arrecadação, que será realizada até às 17 horas do sábado.

Em caminhões e micro-ônibus, cerca de 300 pessoas irão participar da ação. Entre elas estão: atiradores do Tiro de Guerra (TG 02-048), escoteiros, equipes das Secretarias de Administração, Assistência Social, Educação e Merenda, Obras, Limpeza Pública, Transporte Escolar, Fundo Social, Mobilidade Urbana e Guarda Civil Municipal (GCM). 

A Campanha do Agasalho 2015, que teve início no dia 7 deste mês, é promovida pelo Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Botucatu, em parceira com a Secretaria Municipal de Assistência Social. Este ano a campanha tem como padrinho o comunicador local Ted Babado e o slogan “Chique mesmo é ser solidário”.

Rachel Ferronato Cury enfatiza que a Campanha do Agasalho desde 2009 é realizada com um diferencial : atender com roupas de qualidade o público mais carente. Mas neste ano, segundo ela, o foco também será conseguir arrecadar um número maior de cobertores e edredons.

“As pessoas podem doar para a campanha roupas, sapatos, meias, luvas, cachecóis e principalmente cobertores e edredons. Nossa intenção não é bater recorde de arrecadação. Nós presamos pela qualidade e não pela quantidade de peças. Pedimos que as pessoas doem o que elas gostariam de receber”, destaca a primeira dama.

Este ano a arrecadação da campanha nos pontos de coleta será realizada até o dia 8 de maio. As caixas coletoras estarão espalhadas pela Cidade em agências bancárias, supermercados, escolas, estabelecimentos comerciais e no Shopping Botucatu. No dia 25 de abril será feita a tradicional arrecadação porta a porta.

Já a distribuição das peças será nos dias 29 e 30 de maio, nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras), projetos sociais, entidades e associação de moradores. Em 2014 a ação arrecadou 89.441 peças servíveis que beneficiaram 1.792 famílias e 7.292 pessoas.