Botucatu recebe “Virada Inclusiva” na Praça do Bosque

A Prefeitura de Botucatu, por meio da Assessoria Especial em Acessibilidade e Inclusão Social, e o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência promoveu neste sábado (1º de dezembro), a partir das 9 horas, na Praça Comendador Emílio Peduti (Bosque), a terceira “Virada Inclusiva”. O evento foi realizado em comemoração ao Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, celebrado no dia 3 de dezembro.

A Virada Inclusiva é um movimento que ocorre em todo o estado de São Paulo e é organizado de forma conjunta entre órgãos governamentais e instituições da sociedade civil. Cerca de 80 municípios paulistas participaram do evento. Além dos órgãos públicos e das instituições sociais, 26 unidades do Sesc-SP (Serviço Social do Comércio) na capital e no interior abriram suas portas para mais de 120 atividades esportivas e culturais dentro do espírito da Virada Inclusiva 2012.

Em Botucatu houve apresentação de coral, grupo de dança, música, arte, cultura, exposição de trabalhos das entidades de entendimento ? s pessoas com deficiência do Município. As atrações serão realizadas por diferentes entidades como Apae (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), Arte e Convívio, Adefib (Associação dos Deficientes Físicos de Botucatu), Cieeja (Centro de Educação Especial para Jovens e Adultos), Espaço São Micael e projetos socioeducativos assistenciais do Município.

Paulo Malagutte, assessor especial da acessibilidade e inclusão social, conta que a terceira “Virada Inclusiva” teve como objetivo de aproximar ainda mais as pessoas com deficiência da sociedade como um todo. “Eventos como esse estimulam a população reconhecer as conquistas obtidas por essas pessoas com deficiência ao longo dos anos”, conta.

Segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), no Brasil, cerca de 18% da população total apresentam algum tipo de deficiência. São pessoas com ao menos alguma dificuldade de enxergar, ouvir, locomover-se ou algum tipo de deficiência física ou mental.