Botucatu participa de curso de gestão de aeroportos

O  administrador do Aeroporto Municipal – Tancredo Neves, em Botucatu, Paulo Renato da Silva, acompanhado do presidente da Comissão Permanente de Licitações (Copel), Carlos Eduardo Speltri e do auxiliar administrativo, Renan Laposta participou do Curso de Gestão e Administração para Aeroportos Regionais.

A atividade realizada no Aeroporto Internacional de Florianópolis foi oferecida pela Secretaria Nacional de Aviação Civil e ministrada pela Infraero (Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária). Ela contou com a participação de administradores, diretores e superintendentes de diversos aeroportos e regiões do Brasil. 

O curso teve como objetivo a capacitação em conhecimentos necessários para as atividades de operação de passageiros e aeronaves; segurança operacional; proteção da aviação civil e as ações iniciais de resposta às emergências em aeroportos.

Segundo Paulo Renato da Silva, além de ampliar os conhecimentos e melhorar a qualificação na gestão dos aeroportos, o curso também visou preparar os gestores que irão receber investimentos na reestruturação dos seus aeroportos por meio dos convênios que estão sendo firmados com a Secretaria Nacional de Aviação Civil.

“O curso foi de extrema relevância para todos os participantes. Além dos conhecimentos teóricos e práticos alcançados houve ainda a possibilidade de integração e conhecimento de diversos modelos de gestão aeroportuária. Ele também proporcionou a certificação da administração do aeroporto com uma gestão mais ampla e técnica, podendo assim melhorar ainda mais os serviços e a estrutura do aeroporto de Botucatu para todos os usuários e a população como um todo”, salienta.

 

Modernização do aeroporto

 

Vale lembrar que na manhã da última terça-feira (14), o prefeito João Cury esteve em Brasília em audiência com o ministro-chefe da Aviação Civil, Moreira Franco, para tratar do conjunto de melhorias e o volume de investimentos para a modernização e ampliação do Aeroporto Municipal.

Também participaram do encontro, o deputado estadual eleito, Fernando Cury; o secretário municipal de Governo, Caco Colenci e o secretário municipal de Desenvolvimento, Edison Baptistão.

Botucatu foi incluído na lista de 19 municípios paulistas a serem beneficiados com recursos provenientes do Programa de Investimento em Logística (PIL), que prevê a aplicação de R$ 7,3 bilhões para o fortalecimento e reestruturação da rede de aviação regional brasileira, com expansão da oferta de transporte aéreo e melhorias na qualidade da infraestrutura e dos serviços aeroportuários, por meio de concessões administrativas.

O governo municipal tem sido ágil para atender todas as exigências do programa e manter Botucatu na lista dos municípios prioritários para receber os investimentos. O estudo de viabilidade técnica foi o primeiro passo efetivo rumo às melhorias. Através dele foram identificadas as intervenções necessárias e o reaparelhamento necessário para modernização do aeroporto. 

As próximas etapas consistem na elaboração de estudos preliminares, estudos ambientais e do anteprojeto que vai garantir os subsídios à empresa de engenharia contratada pelo Regime Diferenciado de Contratações (RDC), que realizará as mudanças.