“Mercadão” deverá ser ponto de encontro de botucatuenses

 

Projeto otimiza espaços com boxes maiores, praça central de alimentação, ampliação dos banheiros, instalação de elevador para acessibilidade, melhoria no acesso e estacionamento, salão aberto que permitirá ao espaço receber eventos artísticos-culturais, entre outros.

 

Com as obras de reforma e revitalização que estão sendo desenvolvidas, o Mercado Municipal “Progresso Garcia” – Mercadão, inaugurado em julho de 1962 deverá ser o mais novo ponto de encontro do cidadão botucatuense a partir de  novembro do ano que vem, prazo previsto para conclusão das obras. Até então o mercadão nunca havia passado por uma grande reforma, mas manterá suas características arquitetônicas originais preservadas.

A obra foi licitada por R$ 1.962.501,65 e prevê a otimização dos espaços com a criação de boxes maiores, praça central de alimentação, ampliação dos banheiros, instalação de elevador para garantir acessibilidade, melhoria no acesso e estacionamento, criação de um novo mezanino com salão aberto que permitirá ao espaço receber eventos artísticos-culturais.

Haverá modernização dos sistemas de hidráulica, elétrica, esgoto, telefonia, informática, revestimento e piso. O piso inferior abrigará todo o setor de hortifruti, enquanto o piso superior será reformulado para receber uma ampla praça de alimentação. A reforma também prevê espaço para implantação de uma agroindústria no local com recepção, vestiário, sala de recepção de matéria prima, sala de processamento e expedição.

“O melhor é que não haverá a necessidade de transferir os concessionários para outro prédio durante a reforma. Eles serão remanejados para um espaço administrativo que encontra-se desativado onde terão a oportunidade de continuar comercializando seus produtos até que a reforma seja concluída”, colocou o prefeito João Cury Neto.